Voltar para o topo

Notícias

08/11/18 11:23

Brasil domina Mundial Militar Por Equipes e conquista ouro no masculino e no feminino

Homens bateram a Rssia na final e mulheres venceram a Frana, ambos pelos placares de 3 a 2

RESULTADOS

MASCULINO

Oitavas-de-final - Brasil 3 x 1 China

Na primeira luta, Marcelo Contini (73kg) forçou três punições a Hongyuan Fang para fazer um a zero para o Brasil sobre a China. Em seguida, Eduardo Yudy (81kg) superou Xiangquan Li por ippon e abriu dois a zero.

No 3º combate, Eduardo Bettoni (90kg) caiu para o ippon de A Buhebilige, que marcou o único ponto chinês.

David Moura (+90kg) garantiu a vitória por 3 a 1 ao vencer Wen Gao com dois waza-ari. Com essa vantagem, não houve a quinta luta entre Daniel Cargnin (66kg) e Jialian Xie.

Quartas-de-final - Brasil 3 x 0 Sérvia

David Moura (+90kg), Charles Chibana (66kg) e Marcelo Contini (73kg) venceram suas três lutas e garantiram o Brasil nas quartas-de-final, onde enfrentaremos a França.

Semifinal - Brasil 3 x 0 França

David Moura (+90kg) abriu a semifinal projetando Cedric Olivar por ippon. Em seguida, Daniel Cargnin (66kg) conseguiu um waza-ari sobre Alister Ward e marcou o segundo ponto brasileiro. Na terceira luta, Marcelo Contini (73kg) imobilizou Julien La Rocca até o ippon e garantiu o Brasil na final.

Final - Brasil 3 x 2 Rússia

Na final, o Brasil começou em desvantagem depois que David Moura (+90kg) perdeu por um waza-ari para Tamerlan Bashaev.

Charles Chibana (66kg) empatou o placar ao derrotar Alim Balkarov por ippon, mas os russos retomaram a vantagem com vitória de Georgii Elbakiev sobre Marcelo Contini (73kg).

No quarto combate, Alan Khubetsov conseguiu um waza-ari sobre Eduardo Yudy (81kg), mas o brasileiro reagiu com outro waza-ari e venceu com um ippon no golden score.

A decisão ficou, então, para a última luta entre Mikhail Igolnikov e Eduardo Bettoni. Em combate amarrado, ambos foram punidos duas vezes, mas Bettoni conseguiu ser mais agressivo e forçou a terceira punição ao russo para garantir o Brasil no lugar mais alto do pódio pela segunda vez nesta quinta-feira.

Bronzes
Cazaquistão 0 x 1 França
China 3 x 0 Catar


FEMININO

GRUPO A

1ª RODADA: Brasil 3 x 1 Sérvia

Rafaela Silva (57kg) abriu o combate enfrentando a sérvia Jovana Rogic. Após 4 minutos de golden score, a campeã olímpica conseguiu a vitória forçando três punições à adversária.

Aléxia Castilhos (63kg) marcou um waza-ari, mas sofreu o ippon de Anja Obradovic. Em seguida, Ellen Santana (70kg) conseguiu 2 waza-ari (ippon) sobre Ivana Jandric (SRB) e recolocou o Brasil em vantagem.

Maria Suelen Altheman (+70kg) venceu Vesna Rakic por ippon e garantiu a vitória brasileira no confronto com a Sérvia por 3 a 1.

2ª RODADA: Brasil 4 x 1 China

Jéssica Pereira (52kg) venceu Chien Chen por um waza-ari no golden score e abriu o placar para o Brasil. Em seguida, Rafaela Silva (57kg) conseguiu o ippon para ampliar para dois a zero.

Alexia Castilhos (63kg) fez três a zero com ippon sobre Huang.

A China ainda descontou com ippon de Zi Yan sobre Ellen Santana (70kg), mas Maria Suelen Altheman (+70kg) fechou o placar positivo para o Brasil com outro ippon Xiao Shao.

O resultado garantiu o primeiro lugar do grupo A para o Brasil e uma vaga nas semifinais.

Semifinal - Brasil 3 x 0 Rússia

Na primeira luta, Rafaela Silva (57kg) conseguiu um waza-ari contra Anastasiia Konkina e, na sequência, projetou a russa por ippon abrindo o placar para o Brasil.

Alexia Castilhos (63kg) enfrentou Kamila Badurova em luta equilibrada que terminou com vitória para brasileira com um waza-ari no golden score.

No terceiro combate, Ellen Santana (70kg) imobilizou Alena Prokopenko até o ippon e garantiu a equipe feminina do Brasil na final do Mundial Militar.

Semifinal - França 3 x 1 China

FINAL - BRASIL 3 X 2 FRANÇA

O Brasil começou bem com vitórias em sequência de Jéssica Pereira (52kg) sobre Marine Lherny (FRA) e de Rafaela Silva (57kg) sobre Helene Receveaux (FRA), por waza-ari e ippon, respectivamente.

A reação francesa veio com seus pesos mais fortes. Clarisse Agbegnenou, tricampeã mudial e prata no Rio, venceu Alexia Castilhos (63kg). Em seguida, Marie-Ève Gahié, vice-campeã mundial em Baku neste ano, derrotou Ellen Santana (70kg) por ippon e empatou o duelo.

Coube à experiente Maria Suelen Altheman decidir a favor do Brasil forçando três punições à Julia Tolofua para garantir o título ao Brasil.

OURO: BRASIL

PRATA: FRANÇA

BRONZE: Rússia

BRONZE: China






Arquivos Relacionados


- MASCULINO - RESULTADO FINAL
- FEMININO - FINAL
- FEMININO - SEMIFINAL
- FEMININO - FASE DE GRUPOS
- SMULA SEMIFINAL FEMININO - BRASIL X RSSIA
- SMULA SEMIFINAL FEMININO - FRANA X CHINA
- SMULA FINAL FEMININO - BRASIL X FRANA
- SMULA FINAL MASCULINA - BRASIL X RSSIA
- SMULA BRONZE MASCULINO - CHINA X CATAR
- SMULA BRONZE MASCULINO - CAZAQUISTO X FRANA




Visualizar mais fotos


Veja Também
17/11/18 15:35 Eduardo Barbosa e Maria Portela disputam bronze em Haia, mas terminam em quinto lugar 17/11/18 12:48 Brasil vai ao pdio 23 vezes no Campeonato Pan-Americano Sub-13, em Guaiaquil 16/11/18 15:17 Jud do Brasil abre Grand Prix de Haia com prata de Eleudis Valentim 14/11/18 18:04 Em ano de despedida dos tatames, rika Miranda eleita a melhor judoca de 2018 no Prmio Brasil Olmpico 14/11/18 11:02 Exrcito abre vagas para judocas no Programa Atletas de Alto Rendimento 13/11/18 17:44 Brasileiros participam de Campeonatos Pan e Sul-Americanos Sub-13 e Sub-15 a partir desta sexta 13/11/18 14:49 Popole Misenga recebe convite de Yasuhiro Yamashita para treinar no Japo e lutar o Grand Slam de Osaka 12/11/18 18:08 Eduardo Yudy eleito o melhor atleta do Mundial Militar e Tamires Crude leva trofu por ippon mais rpido da competio 12/11/18 12:57 Seleo brasileira embarca nesta tera-feira para a Holanda, onde disputar o Grand Prix de Haia 10/11/18 13:22 Brasil encerra Mundial Militar de Jud com 10 ouros e 7 bronzes, liderando o quadro geral de medalhas
PATROCINADORES
Apoio
PARCEIROS DE MÍDIA
Apoio Governamental
Lei de incentivo ao esporte Ministério do esporte
Apoio
Travel Ace Assistance
Receba novidades da CBJ
Siga-nos nas redes sociais
Confederação Brasileira de Judô
Rua Capitão Salomão, 40 - Humaitá - Rio de Janeiro - RJ / Brasil / CEP: 22271-040
Tel: 55 21 2463-2692 / Fax: 55 21 2462-3274
Website por RDWEB